noticias em tempo real

quinta-feira, 24 de janeiro de 2013

REDUÇÃO DA CONTA DE LUZ VALE A PARTIR DE HOJE, DIZ DILMA


Presidente confirma redução maior do que a anunciada em setembro: até 18% para residências e até 32% para as indústrias


A presidente Dilma, no pronunciamento na TV: redução imediata Foto: Jorge William

A presidente Dilma, no pronunciamento na TV: redução imediata Jorge William
BRASÍLIA – A presidente Dilma Rousseff anunciou nesta quarta-feira, em cadeia nacional de rádio e televisão, que as contas de luz das famílias brasileiras cairão 18% e as do setor produtivo (indústria, agricultura, comércio e serviços) até 32%, já a partir desta quarta-feira. Os percentuais são maiores do que ela divulgara em setembro, também em rede nacional, e o prazo para vigência da medida foi antecipado em 13 dias. Em setembro, ela anunciara redução de 16,2% nas tarifas residenciais e de até 28% na indústria. A pretensão do governo era adotar a medida a partir de 5 de fevereiro. Ontem, em tom enfático e desafiador, a presidente classificou de “sem fundamento” as previsões de que o governo não conseguiria reduzir as tarifas de energia e descartou qualquer risco de racionamento energético, afirmando que o sistema brasileiro é “um dos mais seguros do mundo”.
Num pronunciamento de oito minutos, Dilma subiu o tom das críticas aos que duvidaram da queda nas tarifas de energia elétrica e apostaram em racionamento, especialmente após o registro de apagões pelo país e a redução do nível de reservatórios de hidrelétricas com a seca.

O GLOBO

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe o seu comentário